O Atentado de 20 de julho de 1944

12 de jul de 2010 0 comentários

O Atentado de 20 de julho, foi um atentado fracassado em 20 de Julho de 1944 contra o Führer Adolf Hitler, líder da

Alemanha Nazista, dentro do Wolfsschanze, o Quartel General Secreto de Hitler na Prússia Oriental. O plano foi organizado por um grupo de oficiais do Wehrmacht, liderados pelo Coronel Claus von Stauffenberg como parte de um golpe de estado baseado na chamada Operação Valquíria. O atentado mostrou o aumento significativo da resistência contra o governo nazista. Stauffenberg levou uma bomba em uma mala para uma reunião de lideranças e a deixou próxima de Hitler. Sendo considerado um dos dias mais relevantes da Segunda Guerra Mundial e caso tivesse tido sucesso, poderia ter modificado drasticamente a guerra e o próprio mundo, ao explodir, Stauffenberg pensava que

Hitler havia morrido e declarou que sua força de comando estava assumindo o controle da Alemanha, os conspiradores pretendiam assinar um acordo de cessar fogo com a Grã-Bretanha e os Estados Unidos e concentrar todas as tropas alemães na guerra contra a União Soviética, precisando fazer isto antes que o Exército Vermelho invada a Europa central e chegasse à Berlim. Entretanto, Hitler havia sobrevidido e mais tarde descoberto a lista de conspiradores. 5000 pessoas foram presas, e 200 executadas, incluíndo o coronel Stauffenberg.

0 comentários: