Vassili Zaitsev: Um dos melhores atiradores da História

30 de ago de 2010 5 comentários

Vassili Grigoryevich Zaitsev foi um soldado russo, notabilizado como franco-atirador durante a Batalha de Stalingrado, na Segunda Guerra Mundial,com um total de 242 soldados e oficiais alemães mortos durante o conflito. Zaitsev era neto de caçador e aprendeu a atirar ainda criança, caçando em Eliniski, sua terra natal junto aos Montes Urais, onde vivia como pastor.

Inicialmente foi incorporado na infantaria da marinha e chegou a Stalingrado em 20 de Setembro de 1942, com a 284ª Divisão de Fuzileiros. Brevemente foi erguido à categoria de herói nacional, pois os franco-atiradores eram então muito estimulados pelo general Vassili Chuikov, comandante do 62º Exército, encarregado da defesa da cidade contra os ataques do 6º Exército alemão.

Ele fixava uma mira telescópica no seu rifle Mosin-Nagant modelo M91/30, calibre 7,62 x 54 mm (semelhante ao 30-06 americano, que facilmente penetrava os capacetes dos alemães, causando dezenas de mortes por tiros certeiros na cabeça. Os números divulgados pelos soviéticos naquela época apontam estimativas de que mais de mil alemães foram mortos por franco-atiradores durante a Batalha de Stalingrado, sendo anunciado que Zaitsev fora responsável por 225 dessas mortes (232 e 242 em outras fontes).

Ao fim da guerra, este número subiria para cerca de 470, antes de Zaitsev ser cego por um morteiro. Ele também atuou como instrutor de franco-atiradores do Exército Soviético. Após seus serviços prestados na Segunda Guerra Mundial, ele saiu do exército e foi trabalhar em uma fábrica. Ele faleceu a 15 de Dezembro de 1991, aos 76 anos, na cidade de Kiev, Ucrânia.

5 comentários:

  • Peixoto disse...

    nada a ver jorge vassili ivanovich koslov nao era atirador de elite ele era fuzileiro ele(vasili) serviu de inspiraçao para dmitri petrenko do call of duty 5 tanto que tem uma parte do jogo que é igual ao filme

  • Anônimo disse...

    Vcs não sabem de nada (vão ler mais sobre guerra fria) no call of duty 2 só tem o 1° nome dele, VASSILI! O jogo é uma porcaria. No 5 tem uma parte igual ao filme... Filme bando de mané a única coisa do filme que foi verdade, foi que transformaram ele num ícone para dar moral aos russos... O cara foi uma lenda um dos melhores snipers que existiu dar tantos headshots com rifles de menas precisão!

  • Antenor disse...

    Do lado alemão houve vários bons franco atiradores, tambem!Por exemplo; Josef "Sepp" Allerberger
    (24 de dezembro de 1924-1 Março 2010) foi um alemão franco-atirador no II Batalhão do 144 Gebirgsjäger Regimento da Divisão de Montanha 3 na Frente Oriental , e foi creditado com 257 mortes.

    Ele nasceu nas proximidades da Estíria, na Áustria, em 24 de dezembro de 1924 (embora, em suas memórias, ele afirma que ele nasceu em setembro), o filho de ...um local de carpinteiro. Enviado para a Frente Leste em Junho de 1943 como uma metralhadora, Allerberger ficou levemente ferido em Stavropol e experimentou com uma capturado soviético Mosin Nagant 91/30 rifle com uma mira telescópica 3.5x PU enquanto recuperando. Eventualmente, ele fez 27 mortes antes de ser enviado para o treinamento atirador em Seetaleralpe, e que está sendo atribuído a variante atirador Mosquetão 98k com 4x mira telescópica. No final da guerra, ele muitas vezes usaria um Gewehr 43 com ZF4 4x mira telescópica e um MP40 metralhadora.

    Durante o combate, Allerberger foi observado para usar a Wehrmacht -taught técnica de um guarda-chuva com o pano removido e folhagem tecido para os braços que segurava a sua frente, a fim de camuflar próprio. Esta camuflagem foi rapidamente montado e leve e adaptável a muitas circunstâncias.

    Em 2005, um livro intitulado Sniper na Frente Oriental: As Memórias de Sepp Allerberger, Cruz de Cavaleiro ISBN 1-84415-317-7 foi publicado, escrito por Albrecht Wacker baseado em entrevistas com Allerberger. O livro foi notado por sugerir que os soviéticos haviam canibalizados cadáveres de seus próprios camaradas, e representações gráficas de tortura. Esta tradução para o Inglês é uma versão resumida do livro Im Auge des Jägers. Os três primeiros volumes desta obra apareceu sob o título Der Wehrmachtsscharfschütze Franz Karner, como Allerberger foi inicialmente relutante para não ser identificado.

    De acordo com suas memórias, Allerberger foi agraciado com o Cruz da Cruz de Ferro de Cavaleiro pelo Marechal de Campo Ferdinand Schörner, o comandante do Grupo de Exércitos Centro , no dia 20 de abril de 1945, embora nenhuma documentação oficial já registrado o prêmio. No entanto, isso não era incomum nesse ponto final na guerra.

    Vide: http://en.wikipedia.org/wiki/Josef_Allerberger

  • Unknown disse...

    Não Jorge as únicas semelhanças entre os dois são os primeiros nomes e o fato de ambos terem lutado na batalha de Stalingrado só pura coincidência pq os produtores quiseram que a campanha russa se passasse em Stalingrado de novo igual ao primeiro jogo, o nome Vassili é muito comum na Rússia então a infinity Ward escolheu esse nome aleatoriamente nada tem a ver com o Zaitsev, o Vassili da vida real era franco atirador e o do jogo é um soldado raso da 13 divisão da guarda de rifles entendeu?