O Massacre de Malmedy

10 de dez de 2010 1 comentários

O outro maior incidente ocorrido durante a campanha ocidental em 1944 foi o massacre de vários prisioneiros de guerra americanos em Malmedy. Não há controvérsia real sobre o que aconteceu. Alguns prisioneiros americanos foram reunidos no cruzamento de rodovias, perto de Malmedy, enquanto as unidades de ponta de lança do 1º. SS Panzrkorps passavam. As unidades estavam protegidas por dois tanques Mk IV e suas tripulações .

As fontes alemãs alegam que somente cerca de 20 prisioneiros de guerra foram envolvidos no massacre, enquanto testemunhas belgas dizem que foram aproximadamente 35 e os americanos alegam que esse número superava 120. Sejam quais forem os números envolvidos, um tripulante do tanque 731, chamado Georg Fleps, atirou com sua pistola automática no grupo de prisioneiros. À medida que eles se dispersavam, os outros alemães abriram fogo e a maioria dos prisioneiros foi morta. Esse foi claramente um crime pelo qual seus perpetradores teriam que ser levados a julgamento.

1 comentários:

  • vicente disse...

    Vladimir, pelo amor de Deus não diga que é amante de história e cair numa mentira dessas. Já está mais que provado que es
    se massacre foi uma farsa. Por favor, pesquise mais, e mais e mais